sábado, 28 de fevereiro de 2009

A Sinistra Ministra não apareceu em Santa Comba Dão

A ministra da Educacão, Maria de Lurdes Rodrigues, cancelou uma visita a Santa Comba Dão marcada para este sábado. A ministra ia inaugurar esta tarde o Conservatório de Música e Artes do Dão.
O cancelamento da visita surge depois de os sindicatos terem anunciado que iam estar presentes, para se manifestarem contra o Estatuto da Carreira Docente e o modelo de avaliação.
Contactado pela TSF, Francisco Almeida, do sindicato dos professores da região centro, acusa a ministra de não querer enfrentar os professores.
«Percebemos que os responsáveis políticos do ministério da educação tenham dificuldade em sair do ministério e em enfrentar os professores. Eles sabem que estão a fazer um enormissimo ataque aos professores e portanto é natural que tenham depois alguma dificuldade em enfrentar professores», afirmou Francisco Almeida.
«Mas preparem-se para isso porque é o que vai acontecer sempre que saibamos que a ministra está na região centro do país», deixou o aviso.

in tsf.sapo.pt

Louçã ironiza ataques de Sócrates ao Bloco de Esquerda


Francisco Louçã agradeceu directamente ao primeiro-ministro José Sócrates por ter escolhido o Bloco de Esquerda como alvo dos seus ataques. "Quem imaginaria há 10 anos que este movimento teria a força para se tornar no tema central do congresso do partido mais poderoso", observou, acrescentando que o Bloco incomoda o primeiro-ministro "pela coerência de uma esquerda de que nos orgulhamos". Louçã falava para as cerca de 400 pessoas que encheram o mercado da Ribeira, em Lisboa, na primeira iniciativa de comemoração do 10º aniversário do partido.Veja mais fotos no FlickR do Bloco de Esquerda
Ler mais e comentar...

Costa diz que Bloco é "parasita"

O segundo mais importante dirigente do Partido Socialista, António Costa, afirmou durante o congresso do PS que o Bloco de Esquerda "é um partido oportunista, que parasita a desgraça alheia, mas incapaz de assumir os riscos da governação". Os ataques ao Bloco foram o centro da intervenção do presidente da Câmara Municipal de Lisboa, no seu discurso de apresentação da moção de José Sócrates ao Congresso.
Ler mais e comentar...

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Antigos trabalhadores da ENU voltam a manifestar-se no próximo Domingo

Os antigos trabalhadores da ENU (Empresa Nacional de Urânio) voltam a manifestar-se no próximo Domingo, 8 de Fevereiro de 2009, em protesto contra o contínuo adiamento da satisfação das suas reivindicações de reformas dignas e indemnizações às vítimas da exposição à radioactividade e às suas famílias. Os ex-trabalhadores da ENU realizarão uma marcha entre a Urgeiriça (Canas de Senhorim, Nelas) e a Cunha Baixa (Mangualde).
Ler mais e comentar...

domingo, 1 de fevereiro de 2009